Ministério Público do Estado do Acre amplia integração com TJ e conta com nova versão do SAJ

07/02/2017 | 2 min. de leitura

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) ampliou a integração com o Tribunal de Justiça. Além disso, uma nova versão do Sistema de Automação da Justiça (SAJ), solução usada para gestão dos processos judiciais  e extrajudiciais, será implantada ainda neste mês de fevereiro.

A integração entre os sistemas do MP e do TJ foi estendida à segunda instância. Os membros vão poder fazer modelos e peticionar diretamente pela solução, sem ter que fazer isso fisicamente ou acessando o portal e-SAJ do TJAC – o que garante mais  celeridade e praticidade ao andamento das atividades.

Antes, o cadastramento e a distribuição dos processos era realizada de forma manual. Com a integração, estes passos são feitos em lote e de forma automatizada. Fim de atividades mecânicas e burocráticas, além da distribuição equânime de processos entre os membros, são os resultados esperados. O SAJ registra integralmente a produtividade, o que facilita a aferição dos dados feita pela Corregedoria.

Benefícios da nova versão do SAJ

A nova versão do SAJ entra em vigor ainda neste mês de fevereiro. Mais moderna e adaptada para as necessidades do MPAC, promove estas facilidades:

  • Peticionamento eletrônico;
  • Recebimento de ações;
  • Consulta de processos;
  • Distribuição equânime entre cada procurador;
  • Sem atividade humana no cadastro dos processos, o que diminui inconsistência e erros cadastrais.

Para potencializar as práticas de uso do sistema SAJ, servidores do Acre passaram por treinamentos na sede da Softplan, em Florianópolis, nos dias 24 a 27 de janeiro. O objetivo foi tirar possíveis dúvidas e repassar as novas funções da versão 02.00.17-18.

O chefe de gabinete da Procuradoria Adjunta para Assuntos Jurídicos, Thiago da Silva Campos, afirma que com o treinamento e a nova versão, o trabalho feito passará a ser direcionado para atividades mais especializadas.

“Vamos parar de perder tempo com atividades mecânicas para exercer, de fato, uma atividade verdadeiramente analítica e de Direito”, finaliza.

Seus comentários são sempre muito bem-vindos. Comente!

Este espaço destina-se às repercussões sobre notícias e artigos publicados no SAJ Digital. São de responsabilidade de seus autores. Não servem como abertura de chamados e atendimentos para o portal e-SAJ.

Leia também

Receba nossas novidades por e-mail:

Fale com o
especialista
Desenvolvido por: Linkedin Instagram