Gestores do SAJ discutem inovações no sistema em encontro no TJSC

Gestores do SAJ discutem inovações no sistema em encontro no TJSC

Gestores SAJ

Nesta quinta e sexta-feira (2 e 3 de junho), o Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) sedia o encontro de gestores do Sistema de Automação da Justiça. O encontro ocorre em Florianópolis.

Participam da reunião de trabalho integrantes dos Tribunais de Mato Grosso do Sul, Alagoas, Acre, São Paulo, além de Santa Catarina. A Softplan, empresa responsável pelo desenvolvimento do sistema em parceria com as cortes, também participará da reunião de trabalho.

gestores do sajLeia os artigos
Uma Justiça mais cidadã em SC
Justiça, um presente digital

Entre os assuntos da pauta, destacam-se as integrações do SAJ com os sistemas em uso nas instituições e órgãos relacionados à Segurança Pública, como delegacias de polícias, administrações penitenciárias, além de Ministério Público e Defensoria Pública.

Um dos destaques do encontro é a discussão das integrações criminais do SAJ, que já é realidade no Tribunal de Justiça de São Paulo. Em dezembro de 2015, após a Corte paulista ter se tornado 100% digital, a integração do Judiciário e a secretaria de Segurança Pública resultou no primeiro inquérito policial totalmente digital. O case de sucesso será apresentado pelo diretor da Diretoria de Sistemas da Primeira Instância (STI 1) do TJSP, Fabiano Martins.

Para o diretor-executivo da Softplan, Ilson Stabile, a integração dos tribunais com os sistemas implementados nas secretarias de Segurança Pública é imprescindível para ampliar os benefícios do processo digital às instituições ligadas ao Judiciário. “Totalmente informatizadas, o próximo passo das cortes é apostar nas integrações. É o caminho para entregar resultados e serviços cada vez melhores à população e promover a efetiva prestação da Justiça”, assegura Ilson.

Destaque na mídia

O encontro de gestores do SAJ foi destaque na mídia nacional. A principal revista jurídica do país, o Conjur, ressaltou a integração dos sistemas e a influência que ela produz na celeridade processual. O portal do Tribunal de Santa Catarina também abordou a reunião como destaque.

Comentar

Seu e-mail não será divulgado. Campos obrigatórios são marcados *