Inovação na Softplan: desenvolvedora do SAJ utiliza Business Intelligence na tomada de decisões

15/05/2017 | 3 min. de leitura

A aproximação das diretorias com os resultados da Softplan tem ocorrido de forma inovadora e eficiente. Tomadas de decisões mais rápidas e relatórios de desempenho disponíveis na palma da mão são resultados do novo projeto que utiliza o Business Intelligence.

Dados complexos são coletados, interpretados e transformados em dashboards. A visão do desempenho das áreas da Softplan, de forma geral e individual, já traz grandes resultados na tomada de decisões na Unidade de Justiça.

Com essas ações a Softplan deixa claro que planeja ser cada vez mais data-driven, ou seja, tomar decisões estratégicas baseadas em dados.

Para o diretor de Novos Negócios, Rodrigo Santos, dentro da complexidade de gerir a Softplan, não utilizar a ferramenta de BI para acelerar e facilitar a tomada de decisão é impossível. As dashboards bem estruturadas e os dados cruzados dentro da visão de BI são essenciais para a gestão do futuro da empresa.

“O Projeto Águia tem a ambição de adequar os indicadores da Softplan e depois reuni-los dentro de dashboards de acesso fácil e rápido para que, na fase seguinte, possamos cruzar dados de diferentes bases. Assim, a ferramenta nos traz uma análise inteligente que acelera os processos de tomada de decisão”, finaliza Rodrigo.

Projeto Águia

Os 12 painéis disponíveis para acesso de diretores e gerentes fazem parte do Projeto Águia. Criado em agosto de 2016, o projeto é realizado pela equipe de BI do PMO e é dividido em duas etapas:

  • Criação de painéis e busca de informações disponíveis nas ferramentas da Softplan;
  • Desenvolvimento de um Data Warehouse (armazém de dados) que contém dados consolidados de várias áreas de negócio da empresa e de diferentes sistemas.

Segundo a gestora do Projeto Águia, Sabrina Almeida, o uso do BI veio para dar maior agilidade no processo de tomada de decisão, transformando dados em informações.

“Ao utilizar o BI, a diretoria terá acesso às informações de qualquer área, a qualquer momento e com isso poderá dedicar um maior tempo à análise crítica dos resultados obtidos ao invés de esperar dias para que as áreas possam emitir os relatórios e enviá-los”, diz.

Business Intelligence na Softplan

Os diferentes setores da Softplan necessitam de customização dos dashboards. Filtragem de informações, abertura de detalhes, gráficos, ícones e peças visuais são ajustados de acordo com a importância dos dados a serem apresentados para a diretoria.

“Hoje nós realizamos uma série de fechamentos e tratamentos para utilizar os dados. O Power BI vem para automatizar os relatórios, o que nos possibilita ter acesso aos dados em tempo real. Essa ação é um grande ganho para o financeiro e para a gestão da Softplan como um todo”, conta o gerente Administrativo e Financeiro da Softplan, Gustavo Bublitz.

As equipes utilizam a ferramenta Power BI, da Microsoft, para a construção dos painéis na Softplan. Para o analista de Sistemas, Marvin Aquino, esta ferramenta trouxe uma maior facilidade de trabalhar e apresentar os dados.

“O Power BI possui um ótimo nível de segurança de dados e acessos integrados com os nossos outros sistemas Microsoft. A ferramenta está em constante evolução, com atualizações mensais e um ótimo suporte, que nos possibilitou a sua fácil implantação”, conta Marvin.

O que é BI?

O termo Business Intelligence, Inteligência de negócios, ou inteligência empresarial, refere-se ao processo de coleta, organização, análise, compartilhamento e monitoramento de informações que oferecem suporte a gestão de negócios.

É o conjunto de metodologias e tecnologias que transformam uma grande quantidade de dados brutos em informação útil para tomadas de decisões estratégicas.

Por meio da integração entre diferentes sistemas da empresa, o Business Intelligence concentra as informações em um único local, chamado Data Warehouse. Desta forma, as métricas, mesmo vindo de diferentes fontes de dados, como SAC, Sales Force, Oracle, Hyperion, planilhas ou até mesmo arquivos de texto, podem ser visualizadas em conjunto, ajudando na criação de indicadores empresariais muito mais eficientes.

“A ferramenta Power BI tem como um dos objetivos sanar a necessidade de transformar diversos tipos de dados em informação, de forma intuitiva e simples, para que possamos tornar a análise algo muito mais interessante, possibilitando o cruzamento desses dados e obtendo informações para o negócio, conseguindo assim otimizar as análises de dados”, afirma o integrante da equipe de BI da Softplan, André Pizani.

Seus comentários são sempre muito bem-vindos. Comente!

Este espaço destina-se às repercussões sobre notícias e artigos publicados no SAJ Digital. São de responsabilidade de seus autores. Não servem como abertura de chamados e atendimentos para o portal e-SAJ.

Leia também

Receba nossas novidades por e-mail:

Fale com o
especialista
Desenvolvido por: Linkedin Instagram