OKR na Softplan: Como uma metodologia simples pode ser revolucionária

25/11/2016 | 2 min. de leitura

Um bom time deve trabalhar em conjunto e saber, claramente, qual é o objetivo que possui, para que todos possam remar na mesma direção. Para isso, é necessário que as metas estejam alinhadas e que a equipe esteja engajada. 

Como atingir esses objetivos dentro de uma equipe, e de uma empresa, é a grande dúvida que norteia os líderes. A compreensão de que a equipe é parte de algo maior e que contribui diretamente para o crescimento da empresa está os levando para frente.

O método adotado em questão é o Objectives and Key Results (OKR), um framework para gestão de trabalho. Usado por grandes nomes como Google, Twitter e Linkedin, o OKR tem chamado a atenção de empresas por todo o mundo. 

O OKR possui um conjunto de dois componentes: o objective (o objetivo que se quer atingir) e o key result (o resultado-chave que indica como chegar ao objetivo). De forma simples e transparente, o OKR é alcançado, revelando benefícios tangíveis às equipes e às empresas.

Como conquistar o OKR?

O método OKR não possui uma fórmula a ser seguida, mas existem passos simples para iniciar o framework:

  • Comunicação: Alinhar expectativas e conectar funcionários em busca de objetivos corporativos;
  • Simplicidade: Com uma linguagem simples, a orientação se torna mais eficaz e clara para as equipes e para os colaboradores;
  • Ciclos curtos: Permitem acompanhar o progresso e corrigir erros de forma mais rápida, além de atualizações regulares para ganhar visão e insights;
  • Transparência: Todos os OKRs são públicos, o que torna possível ver como os objetivos alinham com a visão, com a estratégia da empresa e com as prioridades;
  • Bottom-Up e Top-Down: Aumentar o engajamento, criar propósitos e empoderamentos dos colaboradores através da participação no processo de definição de metas;
  • Stretch Goals: Metas que forçam o time a sair da zona de conforto e repensar como trabalhar.

OKR na Softplan

A empresa catarinense Softplan, que desenvolve o SAJ, está inovando e seguindo as melhores práticas para estimular a criatividade e a autonomia dos times. A equipe de Inovação da Unidade de Justiça já adotou o OKR . Conforme o gestor de projetos Juliano Marca, a iniciativa já trouxe resultados: “mais velocidade nas entregas, alinhamento total do time com a estratégia da empresa, foco e motivação são alguns dos benefícios que já estamos vivenciando”, conta.

No dia 27 de outubro, foi realizado um treinamento sobre a adoção do OKR na Softplan. Além do conceito, foram compartilhados resultados previstos e boas práticas de mercado. A metodologia deve ser adotada também por outras equipes.

Quer saber mais sobre o método usado pela Softplan e como é possível adotar na sua equipe? Assista ao vídeo abaixo:

Seus comentários são sempre muito bem-vindos. Comente!

Este espaço destina-se às repercussões sobre notícias e artigos publicados no SAJ Digital. São de responsabilidade de seus autores. Não servem como abertura de chamados e atendimentos para o portal e-SAJ.

Leia também

Receba nossas novidades por e-mail:

Fale com o
especialista
Desenvolvido por: Linkedin Instagram