Conferência na Softplan reúne especialistas para discutir a advocacia do futuro

24/08/2018 | 2 min. de leitura

A 4ª Revolução Industrial está mudando também o Direito. Dentro deste contexto, quais são os desafios para a profissão dos advogados? Este foi o tema central da ADV Conference, promovida nesta sexta-feira (24) em Florianópolis pela Softplan e pelo SAJ ADV.

A ADV Conference trouxe 10 especialistas para discutir a advocacia do futuro. Cerca de 200 pessoas lotaram o auditório da sede da Softplan. Foram apresentadas palestras sobre Ciência de Dados aplicada ao Direito, o impacto das novas tecnologias na atividade e formação dos advogados e as novas oportunidades profissionais, entre outros.

“Quem focar sua carreira nos ramos digitais não vai ficar sem trabalho”, disse o advogado Alexandre Zavaglia, fundador da Future Law, escola especializada em cursos de tecnologia e inovação no Direito.

Ele falou sobre como a Ciência de Dados passou de uma ferramenta de marketing para solucionadora de outros tipos de problemas, inclusive no Direito. Por isso a importância de dos escritórios incorporarem essas soluções às suas rotinas.

“Fomos treinados para trabalhar num mundo que não existe mais”, disse Michelle Morcos, co-fundadora da Justto, plataforma para resolução de conflitos online.

Para explicar o impacto do OCR (Online Dispute Resolutions), falou sobre como as demandas da advocacia evoluíram com as inovações. Neste contexto, departamentos jurídicos de empresas e escritórios de advocacia devem adotar medidas imediatas. Tais como: identificar tarefas repetitivas, reformular equipes com competências diversificadas e pressionar a integração de soluções.

“O custo de treinamento é muito menor do que parece. A questão é mais a mudança de mindset”, disse.

Importância da formação complementar para a advocacia do futuro

Outro palestrante foi Erik Nybo, head of inspiration da EDEVO, Escola de Negócios, Inovação e Comportamento. Para ele, as novas tecnologias ampliam o leque opção para o trabalho dos advogados. Além da contratação de soluções, há novas oportunidades para a carreira. Exemplos: Legal Ops, Engenharia Jurídica, Product Owner, Head de Inovação, entre outras.

“Temos que buscar uma formação complementar, além da jurídica”, disse.

Além do tema sobre o impacto das novas tecnologias na profissão, o evento abordou a gestão de pessoas, o marketing digital no segmento jurídico e a produtividade nos escritórios.

Seus comentários são sempre muito bem-vindos. Comente!

Este espaço destina-se às repercussões sobre notícias e artigos publicados no SAJ Digital. São de responsabilidade de seus autores. Não servem como abertura de chamados e atendimentos para o portal e-SAJ.

Leia também

Receba nossas novidades por e-mail:

Fale com o
especialista
Desenvolvido por: Linkedin Instagram